• Candidatura

    Tudo o que precisas de saber para te candidatares ao Ensino Superior

    Candidatar-me a uma licenciatura ou mestrado integrado

    Documentos a entregar para candidaturas a Licenciatura
    ao abrigo do Concurso para Estudante internacional

    Os estudantes internacionais devem apresentar no ato de candidatura ao concurso especial de acesso e ingresso os documentos seguintes:

    • Diploma ou certificados têm de evidenciar as circunstâncias da sua emissão de forma fidedigna e devem ser autenticados pelo Consulado Português no país emitente ou, se for caso disso, apostilados, nos termos da Convenção de Haia e traduzidos para a língua portuguesa por tradutor ajuramentado quando estiverem elaborados em língua diferente da portuguesa, espanhola, francesa ou inglesa;
    • Dos diplomas e certificados tem de constar, obrigatoriamente, a escala de classificação e a classificação final obtida no programa de ensino bem como que confere aos estudantes internacionais o direito de se poder candidatar e poder ingressar no ensino superior no país em que foi conferido;
    • Ficha ENES, no caso de serem titulares do ensino secundário português;
    • Documentação exigida pela legislação aplicável, no caso de serem titulares de habilitação legalmente equivalente ao ensino secundário;
    • Uma fotografia tipo passe;
    • Documento de identificação pessoal e fiscal exigida pela legislação portuguesa (original e fotocópia) e ainda declaração de compromisso de entrega posterior de autorização de residência.

    Os estudantes internacionais devem igualmente realizar o pagamento respeitante à candidatura constante da tabela em vigor.

    Para além das licenciaturas a Instituição dispõe do Programa de Mestrados regulado por regulamento interno e nesse caso para admissão é necessário:

    • Diploma de licenciatura emitido por entidade competente com referência expressa a que o curso é considerado como de ensino superior pela legislação do país em causa, à classificação final obtida e à escala de classificação adotada, autenticado pelo Consulado Português no país emitente ou apostilado se for caso disso e traduzido m por tradutor ajuramentado se estiver elaborado em língua diferente da portuguesa, espanhola, francesa ou inglesa;
    • Uma fotografia tipo passe;
    • Documento de identificação pessoal e fiscal exigida pela legislação portuguesa (original e fotocópia) e ainda declaração de compromisso de entrega posterior de autorização de residência.

    Caso existam vagas sobrantes serão definidas novas fases de candidaturas.

    Os alunos com Exame Nacional do Ensino Médio ENEM (Brasil) válidos ou que tenham realizado as provas nacionais de ingresso para titulares do ensino secundário português ficam dispensados da realização das provas internas.

    Consulte as provas nacionais necessárias na página do curso para o qual se pretende candidatar.


    Concurso para Estudantes Estrangeiros para frequência de curso de Mestrado

    Os titulares de cursos superiores de instituições de ensino superior não portuguesas podem concorrer a cursos de Mestrado no ISMAT para o ano letivo 2018-19.

    Candidatar-me a Mestrado

    Os estudantes que não têm nacionalidade portuguesa para se candidatar a programas de mestrado devem cumprir os seguintes requisitos:

    1. Ser possuidores de um curso de licenciatura (para candidatos a mestrado);
    2. Entregar a documentação abaixo discriminada;
    3. Entregar o Diploma de curso e o histórico escolar reconhecidos pela representação diplomática ou consular portuguesa existente no seu país de origem e traduzidos por tradutor oficial (exceto documentos em Espanhol, Francês e Inglês).

    Documentação a entregar:

    • Fotografia;
    • Cópia do passaporte;
    • Diploma de Licenciatura (*);
    • Histórico Escolar de Licenciatura (*);
    • Curriculum Vitae, datado e assinado;

    (*) Reconhecidos pela representação diplomática ou consular portuguesa existente nesse país e traduzidos por tradutor oficial (exceto documentos em Espanhol, Francês e Inglês).

  • Calendário de candidaturas - Licenciaturas

    CALENDÁRIO DE CANDIDATURA PARA O CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS

    Fases *DatasProvas internasDivulgação dos resultados
    1 ª Fase 5 a 23 fevereiro 2018 26 fevereiro a 2 março 12 março
    2 ª Fase 24 fevereiro a 16 março 2018 * 19 a 23 março 2 abril
    3 ª Fase  17 março a 6 abril 2018 * 9 a 13 abril 23 abril
    4 ª Fase  7 abril a 18 maio 2018 * 21 a 25 maio 04 de junho
    5 ª Fase  19 maio a 8 junho 2018 * 11 a 15 junho 25 junho
    6 ª Fase  9 junho a 6 julho 2018 * 9 a 13 julho 23 julho
    7 ª Fase  7 julho a 31 agosto 2018 * 3 a 7 setembro 17 setembro

    8ª Fase 

    1 a 21 setembro 2018 * 24 a 28 setembro 8 outubro
    9 ª Fase   17 dezembro 2018 a 1 fevereiro 2019 **   4 de fevereiro

    * Vagas sobrantesCaso existam vagas sobrantes serão definidas novas fases de candidaturas;

    ** Fase extra destinada a Candidatura de alunos Brasileiros Titulares do Exame Nacional do Ensino Médio - ENEM

  • Documentos

    A documentação necessária antes de partir para estudar em Portugal.

    Antes de partir

    • Passaporte ou documento de identificação estrangeiro;
    • Visto para estudar em Portugal
    • Declaração de compromisso de entrega posterior de autorização de residência;
    • Documento comprovativo da conclusão do ensino secundário ou equivalente;
    • Alojamento em apartamento particular ou residência acordada com a Escola;
    • Seguro de saúde escolar e/ou internacional;
    • Moeda utilizada em Portugal - Euro
    • Custo de vida - Os preços dos bens em geral são menos elevados que no resto da Europa. O salário mínimo nacional é de 495,00euros. O preço médio de uma refeição no restaurante é de 10/15 euros.

    Diplomas e Certificados

    Os diplomas e certificados têm de evidenciar as circunstâncias da sua emissão de forma fidedigna e devem ser autenticados pelo Consulado Português no país emitente ou, se for caso disso, apostilados, nos termos da Convenção de Haia e traduzidos para a língua portuguesa por tradutor ajuramentado quando estiverem elaborados em língua diferente da portuguesa, espanhola, francesa ou inglesa.

    Dos diplomas e certificados referidos no nº 1 do Regulamento tem de constar, obrigatoriamente, a escala de classificação e a classificação final obtida no programa de ensino bem como que confere aos estudantes internacionais o direito de se poder candidatar e poder ingressar no ensino superior no país em que foi conferido.

    Vistos para Estudantes Brasileiros

    Na página do SEF encontra todo os tipos de vistos e qual a documentação necessária para os obter na Embaixada de Portugal em Brasília ou num dos vários consulados de Portugal no Brasil.

    Os documentos necessários são os seguintes:

    • Passaporte;
    • 3 fotos 3x4 (fundo branco);
    • Registo criminal;
    • Seguro de saúde internacional;
    • Prova de residência em Portugal (a fornecer pela Instituição de ensino de acolhimento);
    • Comprovativo de meios de subsistência em Portugal (Contracheque);
    • Carta de Aceitação;
    • Boletim de vacinas;
    • Certificado de habilitações
  • Mensalidades

    As mensalidades do ISMAT para o Estudante Internacional

    Os valores para os Estudantes Internacionais são fixados anualmente pelo Conselho de Administração da entidade instituidora do ISMAT, mediante tabela própria e são divulgados no sítio da internet do ISMAT no prazo estabelecido para a apresentação das candidaturas.

    Propinas 2018 | 2019

  • Bolsas

    Para estudantes brasileiros realizarem estudos universitários em Portugal

    Informação sobre bolsas de estudo | Estudante Brasileiro

    São vários os organismos e instituições que põem à disposição de estudantes brasileiros bolsas para realizarem estudos universitários em Portugal.

    Assim, podem ser tidos em consideração os seguintes:

    • CAPES e CNPq - As principais agências de financiamento no Brasil são a CAPES e o CNPq.
    • As Fundações de Amparo à Pesquisa Estaduais também oferecem, em alguns casos, bolsas de pesquisa ou ensino no exterior (ex.: FAPESP, FAPERJ, FAPESB)
    • O programa Ciência sem Fronteiras (CsF). Por favor, consulte o site do CNPq.
    • O Banco Santander Totta tem programas de bolsas que podem ser utilizadas por estudantes brasileiros que queiram frequentar a Universidade da Beira Interior durante um semestre. Os candidatos interessados devem contatar as suas universidades do Brasil.
  • Razões para estudar no ISMAT

    Porquê estudar no ISMAT | Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes?

    Razões para frequentar o ISMAT- Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes

    • Bolsas de Estudo próprias para estudantes da região algarvia, estudantes oriundos dos países da CPLP, Bolsas de excelência e mérito e Acesso a bolsas de estudo da DGES- Direção Geral do Ensino Superior;
    • Todos os cursos de Licenciatura e Mestrado acreditados pela Agência Nacional de Acreditação (A3ES);
    • Ensino Diurno e Noturno;
    • Integração no Grupo Lusófona – Maior Grupo de Ensino Superior Privado em Portugal com expansão internacional nos países falantes da língua portuguesa (Brasil, Angola, Guiné, Cabo Verde e Moçambique);
    • Programas de mobilidade em instituições do Grupo Lusófona;
    • Localização Privilegiada no Centro de Portimão, próximo do aeroporto, rede rodoviária e ferroviária e acesso à auto-estrada que liga o Algarve a vários pontos de Portugal e Espanha;
    • Instalações com salas e laboratórios adequadas ao ensino teórico e prática laboratorial;
    • Estreita ligação entre estudantes, docentes e todas estruturas administrativas e pedagógicas;
    • Corpo docente altamente qualificado, respondendo às elevadas exigências do ensino universitário e que alia o reconhecimento académico à prática empresarial com forte ligação à comunidade;
    • Profundamente integrado na vida local e regional, o ISMAT, estabelece ligações dinâmicas com o mundo laboral, mantendo protocolos de colaboração com diversificadas instituições, empresas e organismos sediados no Algarve;
    • Programas de mobilidade internacionais (Erasmus+);
    • Programa de ingresso/acesso para de estudantes internacionais.

    O Instituto e os estudantes mais premiados

    São os nossos estudantes que fazem do ISMAT um instituto universitário único. Um espaço de reconhecido mérito.

    • Dário Bonugli, Mestrado Integrado em Arquitetura, do seu trabalho final de Dissertação, concluído a 23.03.2017.
    • Escola de Artes em Shoreditch, Londres: proposta para o desenvolvimento de um projeto de arquitetura
     SLIDE 24

     Veja aqui todas as imagens do projeto

    O ISMAT é um estabelecimento de ensino universitário, particular e cooperativo, localizado em Portimão, no sul de Portugal.

    O ISMAT integra o Grupo Lusófona e com todas as instituições do Grupo partilha um conjunto substancial de valências e sinergias. Reconhecido pelo Decreto-Lei n.º 194/2004 de 17 de Agosto, o ISMAT tem como objetivos estratégicos ministrar cursos universitários e desenvolver investigação nas mais diferentes áreas de especialização, com particular ênfase em domínios científicos e técnicos que possam contribuir para o desenvolvimento da região do Algarve, que possam dar resposta às necessidades regionais em termos de formação de recursos humanos, e que respondam às necessidades regionais mais prementes de desenvolvimento.

    O ISMAT situa-se na zona histórica de Portimão, cidade que, para além de ser um conhecido centro turístico, é um dos mais dinâmicos pólos empresariais do Algarve. A amenidade do clima algarvio é complementada por uma qualidade de vida só possível em centros urbanos de pequena / média dimensão.

    Portimão é uma cidade acolhedora, onde os estudantes encontram não só importantes equipamentos e serviços, como também uma enorme gama de atividades culturais, desportivas e turísticas.

    O ISMAT ministra atualmente diversos cursos de licenciatura e de mestrado, pretendendo, num futuro próximo, continuar a alargar a oferta de formação superior no Barlavento Algarvio.

    O ISMAT dispõe de um corpo docente altamente qualificado, respondendo às elevadas exigências do ensino universitário. Profundamente integrado na vida local e regional, o ISMAT, no sentido de estabelecer ligações dinâmicas com o mundo laboral, mantém protocolos de colaboração com diversificadas instituições, empresas e organismos sediados no Algarve. A fim de proporcionar à Comunidade Académica possibilidades de mobilidade, o ISMAT está integrado no Programa Erasmus+.

  • Guia ECTS

    A modernização do Ensino Superior na Europa que facilita o reconhecimento dos estudos.

    De que se trata?

    Sistema Europeu de Transferência e Acumulação de Créditos (ECTS)

    O Sistema europeu de transferência e acumulação de créditos (ECTS) é uma ferramenta que ajuda a conceber, descrever e pôr em prática programas de estudo e a atribuir qualificações no ensino superior. A utilização do ECTS, juntamente com quadros de qualificação baseados em resultados, melhora a transparência dos programas de estudo e das qualificações e facilita o seu reconhecimento.

    Por que motivo é necessário?

    Ao assegurar a comparabilidade do ensino superior na Europa, o ECTS torna o ensino e a aprendizagem no ensino superior mais transparentes e facilita o reconhecimento dos estudos. Trata-se de uma ferramenta de apoio à conceção dos programas de estudo que contribui para a garantia da qualidade e permite transferir experiências de aprendizagem entre instituições, melhorar a mobilidade dos estudantes e flexibilizar as vias para a obtenção de um grau académico.

    O sistema ECTS está estreitamente relacionado com a modernização do ensino superior na Europa, constituindo uma ferramenta central no âmbito do Processo de Bolonha que visa tornar os sistemas nacionais mais compatíveis.

    Como funciona?

    As instituições participantes publicam os seus catálogos de cursos na Internet; neles se incluem descrições pormenorizadas dos programas de estudo, das unidades curriculares, dos regulamentos universitários e dos serviços destinados aos estudantes.

    As descrições das unidades curriculares incluem os «resultados de aprendizagem» (ou seja, os conhecimentos que os estudantes devem obter e as capacidades que devem adquirir) e o volume de trabalho (o tempo de que os estudantes necessitam para atingir esses resultados). Os resultados de aprendizagem são expressos em créditos. A carga de trabalho de um estudante varia entre 1500 e 1800 horas por ano letivo e um crédito corresponde geralmente a 25-30 horas de trabalho.

    Fonte: http://ec.europa.eu/education/tools/ects_pt.htm

    Erasmus Charter

    Erasmus Charter for Higher Education 2014-2020

    Guia de utilizador | Versão apenas em Língua Inglesa

  • Estudar no Algarve

    O Algarve é uma região que fica no extremo sul de Portugal e sem dúvida o maior destino turístico de Portugal e que se distingue pela sua beleza natural exuberante, praias lindas de águas mais quentes e um clima ameno durante todo o ano.

    O Algarve está organizado em 16 municípios que correspondem a 16 cidades das quais destacamos Portimão onde se situa o ISMAT- Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes, uma Instituto de natureza universitária que leciona licenciaturas, mestrados e cursos de pós-graduação e especialização.

    Vir estudar para Portugal e escolher o Algarve é aliar a qualidade de vida, cultura e tranquilidade ao estudo e à obtenção de um diploma universitário que em Portugal e no ISMAT são 3 anos para licenciatura /graduação e mais 2 / 3 anos para mestrado.

    Há sítios onde nos sentimos mais felizes, mais vivos e inspirados e onde podemos concretizar os nossos sonhos.

    São muitos os testemunhos e descrições que podemos encontrar na web sobre morar e estudar no Algarve. Estas foram para nós as mais sugestivas e que melhor descrevem a experiência que um estudante pode ter ao escolher o Algarve e o ISMAT-Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes para obter o seu grau de licenciado ou de mestre.

    1. O Clima no Algarve e porquê Portimão?

    Portimão foi o município que no ano de 2017 registou a maior subida no indicador “viver” do Portugal City Brand Ranking/2017 – Municípios Portugueses, promovido pela Bloom Consulting, ocupando neste indicador o 25º lugar, tendo subido 6 posições, em termos nacionais e em comparação com 2016.

    Aqui temos mais de 300 dias de sol por ano e pouca pluviosidade, o que permite desfrutar das muitas atividades ao ar livre. A influência dos oceanos Atlântico e Mediterrâneo e a proximidade com o Norte de África, na região algarvia, permitem-te  desfrutar de invernos amenos com pouca chuva e de verões secos e quentes.

    2. Acessibilidade_Como chegar

    Portimão situa-se perto do aeroporto de Faro, do terminal rodoviário, da linha ferroviária e de uma ligação rápida à auto-estrada que permite uma conexão rápida com todas as regiões de Portugal, nomeadamente Lisboa e Porto e outras localidades espanholas dada a sua proximidade com Espanha.

    3. Hospitalidade_ sentir-se em casa!

    Os portugueses são pessoas hospitaleiras, amigáveis, muito tolerantes e acolhedores. Os mais jovens falam, na sua grande maioria, inglês e/ou francês. E há muito que o Algarve integra diferentes comunidades de vários países Alemanha, Reino Unido, China, Brasil e África de entre muitos outros.

    4. Ambiente saudável _Reservas e Zonas protegidas 

    O ar e a água são limpos e cumprem requisitos legais que garantem a qualidade da água. O regime de planeamento nacional é rigoroso e preserva áreas de interesse biológico, como o Parque Natural da Ria Formosa e protege-as, não permitindo construção imobiliária. A Oeste de Lagos encontra-se o Parque Natural da Costa Vicentina, com os seus 150 km de litoral protegido, as formações rochosas, e algumas das melhores praias do mundo.

    O jardim zoológico do Barão S. João é um exemplo focado em conservação e proteção, e é um modelo de prática moderna, com belos habitats para suas 120 espécies, muito apreciado por crianças e adultos.

    5. Desporto e lazer_ Privilegiar as atividades ao ar livre 

    O Algarve tem mais de 30 campos de golfe onde se incluem alguns dos melhores da Europa. Muitos destes campos têm vista privilegiada sobre o oceano, as magnificas praias do Algarve.  

    Pelos trilhos da Costa Algravia e Costa Vicentina podemos encontrar muitas falésias marcadas com campos de escalada, excelentes locais para a observação de pássaros, particularmente durante as migrações sazonais.  Um destes excelentes locais é Sagres que  está na extremidade ocidental da Rota Vicentina, uma trilha para caminhadas que atravessa 300 quilômetros do campo mais bonito do Algarve.

    Por toda a região algarvia podes encontrar excelentes instalações para ténis, padel, squash, mountain bike, karting e microlite flying. Aqui em Portimão destaca-se o Kartódromo no Autódromo de Portimão  que está entre os principais locais de karting do mundo, enquanto o próprio Autódromo está no circuito World Superbike Championship

    No Algarve podes praticar todos os desportos náuticos, o oeste é o melhor para surfar, windsurf, parasailing, pesca desportiva, iate e cursos de vela, esqui aquático, mergulho e pesca submarina.

    Além de todos os programas e eventos culturais patrocinados pelo Turismo do Algarve, a maioria das cidades organizam eventos gastronómicos, exposições e atividades desportivas nacionais e internacionais. 

    Em Portimão realizam-se vários como o festival da sardinha ou a área desportiva da Praia da Rocha.

    Outras das grandes atividades da região algarvia são os  parques temáticos que incluem o Slide 'n' Splash, Aqualand, Zoomarine e o parque de escultura de areia Fiesa.

    6. Gastronomia

    A Gastronomia portuguesa é rica e variada sendo um verdadeiro roteiro da dieta mediterrânea.

    Sendo o mar um dos nossos principais atrativos e os mercados um ex-libris da região, pode aqui encontrar as delícias do oceano atlântico, como os robalos e douradas, entre outras variedades, bem como as ostras, mexilhões, amêijoas e percebes, enfim também se pode deliciar com o marisco local.

    Azeitonas, figos, amêndoas, pinhões, uvas e citrinos, e ainda uma ampla gama de produtos sazonais, incluindo batata doce e a alfarroba são todos cultivados localmente. Os queijos, especialmente os queijos amanteigados, os presuntos curados e a famosa carne de porco preta alimentada com bolotas do Alentejo, são excelentes, assim como o azeite.

    A tradição vinícola vem desde a antiguidade, Portugal possui uma grande variedade de vinhos e regiões distintas, resultando numa variedade de excelentes vinhos.

    E claro não se pode esquecer a doçaria regional muita dela feita à base de amêndoa, figos e farinha de alfarroba. Destacamos os irresistíveis Dom Rodrigo, os doces finos e coloridos de massapão, os Morgadinhos, os Carriços e os Queijos de Figo. 

    7. Custo de vida razoável

    Portugal tem sido até então um dos destinos mais baratos da Europa. Os salários em Portugal são muito mais baixos do que no norte da Europa. Isso significa que o custo de vida, transportes públicos e saúde são mais baixos, com serviços geralmente mais baratos do que no norte da Europa. No entanto no verão o custo de vida tende a aumentar nesta região devido ao aumento do turismo.

    8. Saúde

    O serviço nacional de saúde é complementado por uma rede de práticas privadas e hospitais, que podem ser relativamente baratas dependente do seguro de saúde. No entanto o Serviço Nacional de Saúde tem um custo baixo sendo na sua maioria gratuito.

    9. Segurança _Somos um país seguro

    Portugal está no ranking dos países mais seguros da Europa e tem baixos índices de criminalidade, quer nas grandes cidades, quer nas regiões mais interiores.

    Estas são algumas das razões que encontrámos na web e que definem Portimão, a região Algarvia, o lugar onde se encontra o ISMAT – Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes e onde podes escolher passar os próximos anos do teu percurso académico, quer em licenciatura, quer em mestrado. 

    Podes ficar a conhecer mais de Portimão em https://vivaportimao.pt/